segunda-feira, Dezembro 11, 2006

Pastel


Pastel!!! Quem nunca se deliciou com um pastel de feira?! hehe Meu querubim aqui gosta de pastel de vento. Bom você tem duas opções, fazer a massa ou comprar uma boa massa pronta na feira. Vou postar aqui a massa que faço e como congelar os pasteis que devem ser fritos congelados, e ficam completamente purucados que nem os da feira colega. Essa massa eu ja fiz inumeras vezes é da amiguinha Palmirinha.
  • 1/2 quilo de farinha de trigo
  • 1 colher de (sopa) de óleo
  • 1 colher (chá) de sal
  • 1 colher (sopa) de aguardente
  • Água para dar o ponto
  • Óleo para fritar
  • Recheio a gosto
Em um recipiente coloque a farinha, o óleo, a aguardente, sal e vai misturando com a água morna com a ajuda das mãos sove a massa numa superficie lisa, depois de bem sovada abra porções da massa com rolo de massa até ficar bem fininha, se não quiser sofrer use um cilindro, coloque o recheio de seu gosto e frite, ou congele. Para congelar deve primeiro congelar em aberto como está ai na foto, no fundo da assadeira que vai para freezer forre com filme plástico, depois de congelado, retire os pasteis do freezes coloque num saquinho próprio pra congelamento e etiquetar e leve de volta ao freezer, deve fritar congelado em óleo quente. E você pode congelar também a massa que compra prontinha.

27 comentários:

Anónimo disse...

que dica otima ! eu nunca fiz pastel, e nao tem aqui para vender. a dica para congelar cai muito bem para nos aqui, vou tirando do congelador conforme a vontade da familia !! receita anotadissima ! bjs

Regina disse...

Eliana que prendada! Eu prefiro comprar a massa na feira, é mais fácil!rsrsrs mas os seus ficaram iguaizinhos!

Elvira disse...

Já cheira à Natal, por aqui! :-)

Patricia disse...

Eliana, a sua massa está perfeita!

Adorei essa dica de congelar, eu jamais pensaria nisso!

Eliana Scaramal disse...

Bia realmente o congelamento é ótimo, você faz vários recheios assim terá várias opções.

Regina obrigada querida! Mas hoje se compra boas massas nas feiras livres.

Elvira estava tão sumida daqui, que bom tê-la de volta.

Patricia você pode congelar até as massas prontas e o segredo é fritar congelado do contrário não dá certo.

Daniela disse...

Adorei a receita querida! Minha filhota é louca por pastel só que nunca os faço, quem sabe agora com essa receita excelente.
Beijos

Silvia Arruda disse...

Ai Eliana....... que delíciaaa
Eu amo pastel. Mas nunca fiz a massa em casa, sempre compro daquelas de feira, mesmo...
Devem ter ficados deliciosos!!
Bjo

Dadivosa disse...

Eliana, eu tenho uma certa preguicinha de fazer frituras... mas essa receitinha aí parece infalível.
Você é mesmo muito prendada e paciente, amiga, para fazer esse trem do zero! :D
Se bem que, para agradar um querubim, eu bem seria capaz até de plantar o trigo hihihi
beijos

Eliana Scaramal disse...

Daniela você encontra boas massas nas feiras aqui em Sampa, eu gosto de fazer mais ai vai da pessoa mas o legal é que você pode tirar uma horinha de folga e já fazer uma boa quantidade e manter no freezer, assim quando sua princesinha quiser é só fritar.

Silvia essa massa é realmente muito boa. ;)

Dadivosa você falou tudo "seria capaz de plantar o trigo" mão é assim mesmo. hehehe

Cinara disse...

Eliana, eu A-M-O pastel, não consigo passar uma semana sem comer um "envelope", como os pastéis são chamados em um bar aqui de Campinas... E os seus parecem divinos! Obrigada pela receita! bjs

A Taste in Heaven disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
A Taste in Heaven disse...

Obrigada pela dica!! Que delícia de pastel. Vou preparar amanhã mesmo!!! Sempre me delicio quando visito seu blog com tantas coisas gostosas por aqui...

Vivianne

Anónimo disse...

Pastel! Nossa, agora eu fiquei com vontade de fazer.... tempos nostálgicos na casa da vovó! Meu lado nipônico gritando alto agora. Fim de semana devo testá-la! =D

Mas vou sofrer para abrir a massa no rolo, hahahahah.


Cheguei via Mixirica, :)

renata lampião disse...

Eliana, teus pastéis ficaram perfeitos.Nham, nham ! Você já viu fritar em panela de pressão? Conheci uma garota que fazia assim, deixava uns minutinhos na panela tampada e davam certo.Coisas de uns minutinhos e poupa de ficar virando.Tua receita é mais uma para a lista.

lunalestrie disse...

Eliana, mulher corajosa! Eu já fiz pastel em casa (claro que não chegou nem aos pés do seu) mas a hora de abrir é que mata! O bom é que quando você vai comer já gastou todas as calorias (rs). Seu passo a passo está lindo, parabéns!

Eliana Scaramal disse...

Cinara gostei do nome "envelope". risos

Viviane querida temos algo em comum eu também sempre me delicio no seu blog. :)

Vitor Hugo seja muito bem vindo e obrigada pela visita. Olha no rolo você vai sofrer mesmo, mas uma massa feita em casa é outra coisa né?!

Renata Lampião pra mim é uma total novidade fritar na panela de pressão, você ja fez?! Tem algum pulo do gato?!

Luna se for abrir no rolo as calorias vão embora mesmo, eu uso cilindro.

Akemi disse...

Eliana, nunca fiz pastel em casa, acho que deve dar um trabalhão para abrir bem fininho! Amiga, os teus estão de revirar minha solitária! Que dilíciaaaa! E esta porção generosíssima de catupity meu pai do céu!!!!

Eliana Scaramal disse...

Akemi ja ri um monte aqui com seu comentário. Mas olha com um cilindro num estante está bem fininha a massa. :)

Paula disse...

Eliana nunca tive a sorte de provar esses pastelinhos, por isso obrigada pela receita!

Priscilla disse...

farei agorinha mesmo! parece ótimo!!!
mto bom o blog

Eliana Scaramal disse...

Paula depois me conte o que achou da receita!?

Priscilla depois volte pra contar se gostou?!?! Obrigada pela sua visita!

Anónimo disse...

Eliana,
Quero montar um negócio para vender pasteis é um ponto pequeno, mais nunca fiz a massa. Será que você pode me ajudar? Qual a quantidade de água para dar o ponto?
Adorei seu blog

Eli disse...

Então a quantidade exata eu não posso te dar pois depende muito da farinha que vai utilizar de como essa farinha foi armazenada tudo isso influência na quantidade do liquido - por isso aconselho vc ir colocando bem de pouquinho para não perder a massa.

Qualquer dúvida me mande um email - elianascaramal@gmail.com

Obrigada e me perdoe a demora.

Luciana disse...

A farinha de trigo a ser usada é com ou sem fermento? E por quanto tempo o pastél pode ficar armazenado?

ANA FREITAS disse...

boa noite li certa vez que se pode trocar a pinga pelo açúcar, por acaso já tentou.?
quanto a farinha é com fermento ou sem ? agradeço ter encontrado seu blog, muito bom , eu preciso acertar pois é para vender e quero caprichar, muita luz p você. agurado resposta

ANA FREITAS disse...

adorei seu blog

Eli disse...

Ana Freitas - antes de tudo eu quero muito agradecer sua visita e dizer que esse blogue mudou de endereço e agora todas as receitas q tenho aqui e muitas outras se encontra no www.feijaonoprato.com .
Agora respondendo suas dúvidas é seguinte a pinga não pode ser trocada por açúcar pois a massa nao ficaria sequinha , e a farinha é sem fermento. Qualquer dúvida é só chamar.
Obrigada e grande abraço.